quarta-feira, 18 de setembro de 2013

MÃOS





Há mãos que desenham sentidos ________________ e sentidos que se desenham nos corpos,

na chegada a casa e nos desenhos estendidos na pele________há mãos que desnudam corpos

e se agitam na alada e serena escuridão da noite ____________________e na serena enseada

onde despi as mãos de pudores e colhi as rochas firmes da tua vontade__________onde vesti

a pele com a tua pele_________________________e soube, nas mãos, onde pertencia a veste

que despi_________na noite de onde parti__________da solidão onde estava_____________

e da maré onde naveguei, levada por uma escuna breve que se encheu de luar na noite. De ti,

que me desenhas mãos nas costas, saberei___________________.Saberei onde estão conchas

nuas____________e onde se canta nas ruas: onde se beijam amantes nos recantos da paixão.

De ti, saberei de cor as notas com que apagas a solidão. De ti____________________o jazz,

em noite de verão. Das nossas mãos, as silhuetas contorcidas na noite dos corpos, e uma vela

acesa___________________onde cheira a baunilha e a mirtilos, e as mãos ali se entrelaçam,

no fogo____________________. No fogo das mãos, vivem águas, vivem rios e sonhos de ser

amante em mão alada, que se desprende levando-me consigo. Mãos.__________________.

Mãos de ser ave e mergulhar no grito que solto, se me enches o corpo de manhãs claras e és.

_____________És mão que luta na noite do medo de perder a veia onde navego.___________

O fogo que irrompe das ruas da cidade é aquele que cantas na enseada deste amor.amor.amor

grito, irrompido de um luar perfeito onde, ternas, repousam memórias de terem sido tuas, as
mãos que me habitam e te despem no sonho que se desenha nos meus cabelos. ___________



Susana Duarte
"Pescadores de Fosforescências"
Alphabetum Edições Literárias 
Dezembro de 2012

Imagem: retirada da net; autor que desconheço

1 comentário:

  1. Como um grito interrompido,
    as mãos inscrevem na memória, o verso.

    Bjo.

    ResponderEliminar